sábado, 31 de maio de 2014

A curiosidade feminina sobre o futuro

Muita coisa mudou na vida das mulheres desde os anos 1960, quando as feministas queimaram sutiãs
em praça pública. Hoje elas mandam e desmandam nas empresas e nos países, podem escolher se vão ou não se tornar mães, esposas, donas de casa ou amantes e têm liberdade para colocar em prática seus desejos na cama quando e com quem quiserem. Só continuam com certa dificuldade para dominar as próprias emoções. E um fato parece imutável: a ânsia de driblar o destino e saber o que futuro lhes reserva em relação amor ainda leva milhões mulheres a procura de adivinhação e, muitas vezes passam por situações hilárias. O sonho de todas mulheres é encontrar um homem perfeito (o príncipe encantado), mas nem sempre é fácil essa busca, mesmo  porque não existe ninguém perfeito.Mas quando uma mulher colocar algo na cabeça, não existe argumento que mude isso.Na busca pelo príncipe encantado vale tudo:cartomantes, astrólogos, quiromantes e especialistas em búzios, pai de santo, anjos, cristais e outros tipos de oráculos. Não importa o método, o importante é tentar descobrir quando o homem perfeito aparecerá, se depois que apareceu, há chance de o romance decolar, e virar um compromisso mais sério que chegará ao casamento dos sonhos. Quem na vida não conhece uma mulher que já consultou uma cartomante para saber o futuro amoroso.Uma amiga passou por uma situação hilária,que virou motivo de risada entre os amigos. Ela estava apaixonada por um rapaz bem mais jovem, sabe aquele tipo de homem não é de ninguém, mas de todas, era esse. A moça foi procura um Pai de Santo, bem famoso na sua cidade e muito procurado por pessoas de outras cidades. O Pai de Santo disse que traria o rapaz, mas ela teria que levar um sapo vivo e bem grande para ele. Os sapos hoje estão ficando estinto devido a destruição do ecossistema, encontrar um, não é tarefa muito fácil. Por muito custo ela encontro um, depois de um bom tempo procurando. Colocou o pobre bichinho numa caixa de sapatos e foi para o "terreiro''. Naquele dia era véspera de feriado prolongado, o transito estava muito lento, era um dia de verão escaldante. Ela pegou um ônibus lotado com o sapo dentro da caixa vivo, com o calor dentro do ônibus  o pobrezinho do bicho como começo a dar pulos e soltar grunhidos estranhos, os passageiros começara a olhar e procurar onde vinha tal ruido, outros perguntaram que bicho tinha na caixa, a moça nervosa não sabia o que fazer para acalmar o pobre sapo, com os pulos do bicho uma patinha do animalzinho ali acoado saiu pra fora da caixa, uma criança no colo de uma mãe gritar bem alto e aponta.... " Olha mamãe a pata do bicho na caixa daquela moça". Os passageiro arrumaram uma confusão dentro de coletivo, que a moça teve que descer antes do ponto.Depois de uma boa caminhada, ela finalmente entregou o sapo para o "trabalho". O resultado dessa maldade com o animalzinho, ela está com o rapaz hoje, ele virou um alcoólatra, não tem emprego e ela o sustenta. Se o "trabalho" fez efeito não sei, pois a vida tem suas surpresas. Resolvi colocar essa história para meus leitores opinarem sobre essa curiosidade das mulheres sobre o futuro amoroso.