sexta-feira, 8 de julho de 2011

O tempo, seu maior inimigo

O tempo se tornou meu inimigo nos últimos dias, falta tempo para tudo, o dia passa muito rápido. Quando ficamos mais velhos perdemos a rapidez de lidar com  os acontecimentos da vida. Dizem que ganhamos experiência que muita vezes me pergunto para que serve. Quando você deixa de fazer a vida uma aventura, tudo se torna sem graça. Outro dia cometei com uma amiga que ainda está na fase dos vinte anos, que ela deveria viver todas as aventuras, pois quando chegar aos  50 anos nada será interessante. Depois de uma certa fase da vida, tudo muda. Falta coragem para viver as emoções da vida, o mundo é muito concreto, você pensa nas enfermidades, no trabalho, na organização da casa, preocupa se tudo está  simetricamente correto, uma chatice. Bom quando você não se preocupa com nada, só pensa em viver as emoções, ter amores, rir, ver o sol nascer de depois de uma noite de balada,  viver a vida incorretamente como isso é bom, ter o poder de mudar tudo. Quando os anos chegam, tudo fica corretamente nos lugares, na realidade  tornamos insuportáveis com tudo e com todos. Outro dia um amigo comentou que ficou chateado com sua namorada, só porque ela tirou o cinzeiro do lugar de costume. Assim lidamos com tudo, o barulho do vizinho incomoda, até o clima do dia incomoda, o jovem não está  nem ai se o tempo está quente ou frio. O colorido da vida vai embora, você vê seus amigos e entes querido partindo, a saudades dos amores que se foram. Viver fica muito difícil, as enfermidades aumentam, o dinheiro diminuí e ainda falam em melhor idade. E aquela pessoa linda da juventude que vira um sapo gordo e feio, um horror. Os anos passam e mais brilho a vida  perde, até os sonhos perdem a graça. Na  verdade viramos um traste cheio de manias insuportáveis.

5 comentários:

  1. Frida, você voltou, adorei!!
    Viver uma aventura se vive em qualquer fase da vida, Frida. Não existe tempo para isso.
    Agora sapo gordo e feio ai já é demias, kkkkk, bj

    ResponderExcluir
  2. Viver com o dinheiro da aposentadoria, já é uma aventura.Concordo com vc, quanto mais velho mais difícil fica viver num país que não tem uma aposentadoria digna.

    ResponderExcluir
  3. Sapo feio e gordo, muito bommm!

    ResponderExcluir
  4. Julio de São paulo9 de julho de 2011 05:10

    Ser velho é ser um fardo muito pesado. A vida é uma aventura quando se é jovem, a beleza, a coragem, a ilusão, a vontade de viver intensamente faz da vida um acontecimento. Com o tempo perdemos a coragem, a belez vai embora, como você disse viramos um sapo feio e gordo. A preocupação com a saúde, com os filhos, tudo muda. Estamos cumprimento o ciclo da vida. beijos

    ResponderExcluir
  5. Um forte abraço em você. Estou excluindo hoje e já esse blog. Conto contigo nos seguintes endereços: www.abordagenseimpressões.com (Site) e no http://abordagenseimpressoes.com/press (Blog Wordpress).
    Gostaria de lembrar que para eu comentar é preciso que espaço para comentário tenha a opção “nome e url”.
    Valeu mesmo e vamos recomeçar.

    ResponderExcluir

Todos os comentários são muito bem vindos. Comentários com conteúdo racista ou preconceituosos não serão aceitos. Gostaria que assinassem, para que eu possa responder a todos. Muito obrigada.