quinta-feira, 18 de março de 2010

História de Viajantes

Sob o sol da rota do descobrimento no sul Bahia , conversando, ouço uma pérola de confissão: um rapaz nada atraente que fala com forte sotaque baiano, um homem bem comum sem atractivos a parte. E ele me conta que se envolve com mulheres independentes e tem filhos em alguns Estados do Brasil, detalhe as mulheres pagam as passagens aéreas para ele ver os filhos. Isso me faz lembrar a História do Brasil em que os senhores de engenho escolhiam os escravos forte e com dentição perfeita para serem os reprodutores das fazendas. Em pleno século 21 as mulheres continuam escolhendo seu reprodutor como antigamente, tem que ser homens fortes. Parece que evolução em que passou o mudo não chegou na visão da mulher mãe, o pai de sua cria tem que ter perfil dos homens das cavernas. Olha se eu fosse escolher meu reprodutor seria pela inteligência só isso, mas o mundo no que diz a respeito de evolução ainda fica lá na idade Média quando se fala em entender as mulheres.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários são muito bem vindos. Comentários com conteúdo racista ou preconceituosos não serão aceitos. Gostaria que assinassem, para que eu possa responder a todos. Muito obrigada.